O peixe Betta - Dúvidas

 

1 – O peixe betta costuma ser vendido em feiras e até mesmo pet shops em aquários bem apertados (às vezes em recipientes de vidro quaisquer). É correto mantê-lo assim ou todo peixe precisa de um aquário de dimensões mínimas, mesmo que ele seja criado sozinho?
 
O peixe Betta que conhecemos é o resultado de seleções genéticas para lhe conferir cores e padrões variados, o peixe Betta selvagem vive em poças d´água na natureza. Não vive em rios e lagos de grande profundidade, por isso está adaptado a viver em pequenas quantidades de água. Os machos são extremamente territorialistas e poderá haver brigas entre dois machos da mesma espécie tanto pela disputa pelo território quanto por fêmeas. Por ter esta particularidade, de poder viver em pequenas quantidades de água, os outros peixes não se adaptariam ao mesmo aquário, ocasionado estresse para ambos.
 
2 – Quais seriam essas dimensões mínimas de um aquário ideal? Que outros acessórios básicos são necessários (bombinha etc)?
 
O aquário mínimo deve ter 2 litros de água. O tamanho pode variar desde que seja o suficiente para que ele nade livremente e consiga abrir as suas enormes nadadeiras, caso contrário o peixe ficará deprimido e infeliz. O uso de bombas geram um movimento de "corrente" na água que não existe em seu habitat natural (poças) e isso também irá gerar um estresse.
 
Usar cascalho próprio para peixes no fundo do aquário. Em regiões frias pode-se utilizar um termostato para o controle da temperatura da água e um filtro externo que cuidará da qualidade da água, além do termômetro.
 
3 – Um aquário de betta precisa de bombinha? Como deve ser o aquário ideal para criar este peixe de forma saudável e sem que ele sofra?
 
Não precisa de bombinha, a oxigenação da água é baixa em seu habitat natural e isso é o suficiente para ele. Bettas possuem o hábito de capturar o ar fora do aquário e soltar debaixo d´água, formando bolinhas (espumas) na superfície. Este hábito ajuda na captação de oxigênio e na aeração da água apesar de ser baixa.
 
O aquário não deve possuir muitos obstáculos, possibilitando um espaço livre para o peixe nadar. Quanto menor a quantidade de enfeites, menor o risco de acidentes com suas nadadeiras, que são grandes e frágeis. Por ser um peixe territorialista, ele gosta de ter uma boa visibilidade ao seu redor para identificação de possíveis machos.
 
4 – O que acontece com a água (parece que aumenta a concentração de amônia, correto?) e com o peixe se o aquário não for ideal?
 
Com o uso do filtro externo os níveis de amônia são mantidos sob controle. Caso não possua um filtro externo a troca parcial (metade do volume do aquário) de água periodicamente (a cada sete dias) cuidará para manter estes níveis satisfatórios sem que haja dano ao peixe.
 
5 – Quanto tempo costuma viver um betta, quando bem tratado? E quanto tempo de vida ele perde quando criado em más condições?
 
Vive em média 5 anos, dependendo de como é criado. Alimentação, qualidade da água, estresse e tamanho do aquário são fundamentais para uma vida longa!
 
6 – É verdade que o betta só pode ser criado sozinho mesmo?
 
Sim. Pois são intolerantes com machos da mesma espécie. Pela particularidade do seu habitat, não há outras espécies de peixes que se adaptem a um aquário de um Betta e vice-versa.
Ex. Movimentação de água (corrente), oxigenação, enfeites, etc.
 
7 - Por que ele é conhecido como um peixe brigão?
 
Pois o macho é territorialista tendo somente um macho como dominante em cada território.
 
8 - Como e de quanto em quanto tempo deve ser feita a limpeza do aquário de um betta que vive sozinho?
 
A cada sete ou dez dias, trocando a metade da água do aquário por outra nova. A água nova não pode ser da torneira devido ao cloro e metais pesados encontrados nela. Usar de preferência água mineral ou, no caso da água de torneira, usar produtos específicos que são vendidos em lojas especializadas para neutralizar as substâncias nocivas. NUNCA usar sabão, de qualquer tipo! Lavar sempre com água corrente o aquário e usar esponja específica para limpeza de aquários encontradas em petshops. Retire a metade da água do aquário, reserve em um recipiente adequado e limpo, transfira o peixe com o auxílio de uma redinha própria e então lave o aquário. Após a limpeza coloque o peixe de volta com a água reservada e adicione a água nova tratada que deverá possuir a mesma temperatura de onde o peixe se encontra.
 
9 - Como deve ser a alimentação do betta? Que tipo de ração e quantas vezes por dia?
 
Existem diversas rações específicas para Betta no mercado e cada uma varia em quantidade e frequência que pode ser de duas a três vezes ao dia. Existem rações em flocos e em grãos. O importante é que a quantidade deve ser consumida pelo peixe em até 5 minutos, pois o que sobrar será em excesso.
 
10 – Há algum cuidado especial que este tipo de peixe (o betta) exige além dos tratados acima?
 
O Betta é um animal de fácil criação por exigir pouco espaço e poucos equipamentos.
O cuidado deve ser sempre na observação de qualquer sintoma que possa aparecer no dia a dia como pontos brancos pelo corpo, nadadeiras deformadas, pouca atividade, escamas eriçadas, falta de apetite e odor da água diferente do normal. O proprietário deve procurar imediatamente um especialista!
 

Crie um site com

  • Totalmente GRÁTIS
  • Design profissional
  • Criação super fácil

Este site foi criado com Webnode. Crie o seu de graça agora!